Arquivo da tag: Webber

Erdinger – 1

Uma roda se soltou do carro de Webber durante o pit-stop e atingiu cinegrafista da FOM Paul Allen nos boxes em Nürburgring.

O acidente ocorreu após um erro na fixação da roda traseira direita do carro do Webber e ao tentar voltar para a pista viu a roda se despender e sair pelo pitlane, até acertar o cinegrafista que caiu no chão com o impacto.

O repórter foi levado rapidamente para o hospital da cidade de Koblenz e teve constatada uma fratura no ombro e está consciente e em observação.

A Anatomia de um Pit-Stop

Pit stop da Sauber

O recorde de pit-stop na F1 atualmente pertence à Red Bull que trocou os 4 pneusno GP da Malásia de 2013 em apenas 2s05. Mas você já tentou contar quantos mecânicos são necessários para que isso ocorra?

Bem, a foto acima e o vídeo abeixo em Sloooowwww Mooootiiioooonnn podem te ajudar:

Tsingtao – 2

Aonso

Bem amigos, devido a motivos de força maior não foi possivel postar os pitacos sobre o treino de ontem. Mas apesar de assistir a corrida um pouco lesado pelos remédios, vamos ao que interessa:

  1. A corrida foi chata para caramba… foi preciso um belo esforço para não dormir e faltou pouco para não fazer isso e assistir a gravação.
  2. Três provas, três vencedores diferentes de três equipes diferentes e 2013 começa quase como 2012, a diferença é que este ano a Ferrari tem um carro decente desde o inicio e se ano passado Alonso brigou mesmo assim pelo título, este ano ele deve estar empolgadíssimo.
  3. Alonso é o melhor piloto desta tuma, sem dúvidas nenhuma! Fez a corrida que quiz e tirou o melhor do carro durante as 56 voltas da prova, nunca teve a liderança ameaçada. Quando parava nos boxes e voltava no meio do pelotão, tratava de passa-los logo independente de saber que eles iriam parar depois (Vui Massa, não é dificil.). Eles estava tão absoluto que a equipe falou no rádio para ele não forçar o ritmo e ele vai e responde “Quem disse que eu estou forçando?”
  4. Raikkonen também deve estar mais feliz e tagarela, visto que também começou o ano melhor que 2012 e se não fosse a barberagem do Perez poderia estar mais perto do Alonso e talvez fazer o Espanhol suar e colocar a confiança da frase acima a prova.
  5. O Webber deve estar com a cabeça fervendo, depois do erro da equipe na classificação ele cometeu um erro bobo ao perder o ponto na tentativa de passar o Vergne e teve que trocar o bico do carro e tomou uma punição após o final da corrida e portanto irá perder posições no Grid da próxima corrida. Aliado a isso a equipe errou a colocar a roda e ela saiu no final da reta oposta, quase causando um acidente e a FIA anunciou que a Red Bull foi multada em € 5 mil (R$ 12,5 mil) por devido a este fato. Veremos na próxima corrida se ele sentiu o golpe ou se colocará a cabeça no lugar, porque senão, pode preparando o banquinho na Red Bull.
  6. Massa, melhorou muito mas está longe de ser um piloto de ponta. Começou a corrida muito bem, mas depois acabou com os pneus (aco contrário que a TV diz que o Alonso ataca mais as curvas, blá, blá, blá) e não conseguiu passar o Di Resta apensar de ter feito uma bela ultrapassagem sobre o Hamilton. Acabou a corrida em 6 apenas
  7. A McLaren teve uma boa e uma má noticia na China. A boa é que o carro não consome os pneus como os outros, o que permitiu aos ingleses fazerem apenas 2 paradas. A Má é que Perez é ruim, sentiu o peso da “camisa”.
  8. Todo castigo é pouco para a Sauber que mandou embora o Mito Kobayashi para trazer este Guttierez, que é péssimo. Tivesse a equipe com Koba e Hulk, estaria muito melhor no campeonato.
  9. Os outros pilotos, bem este passearam na China não fazendo nada de relevante, apenas notando que a Mercedes continua comendo borracha como se não houvesse amanhã e por muito pouco o Hamilton não fica fora do pódio, se a linha fosse mais 500m a frente era Vettel que estaria recebendo o troféu.

A classificação da prova foi a seguinte:

Fernando Alonso 1
Kimi Räikkönen 2
Lewis Hamilton 3
Sebastian Vettel 4
Jenson Button 5
Felipe Massa 6
Daniel Ricciardo 7
Paul di Resta 8
Romain Grosjean 9
Nico Hülkenberg 10
Sergio Pérez 11
Jean-Éric Vergne 12
Valtteri Bottas 13
Pastor Maldonado 14
Jules Bianchi 15
Charles Pic 16
Max Chilton 17
Giedo van der Garde 18
Mark Webber Ret
Nico Rosberg Ret
Esteban Gutiérrez Ret
Adrian Sutil Ret

Anglia Shandy – 4

Finalmente a FOM liberou o vídeo da corrida da Malásia deste ano… ASSISTAM!

E vale lembrar que o projeto de atrelar os reviews no www.beerhacking.com saiu do papel!!!! Vão até lá, leiam, comentem e ajude-me a encontrar cervejas da Malasia, China e Bahrein para mantermos a série. Se quiserem enviar as cervejas ao invés de indicar onde consegui-las, sem problemas!!!

A Música é Watercolour da Banda Pendulum e está no álbum Immersion de 2010.

Anglia Shandy – 3

E a corrida da Malasia não foi decidida pelo clima, mas gerou um climão tenso na Red Bull e na Mercedes. Mas voltemos a este assunto depois.

A Corrida começou com a pista úmida e portanto todos sairam com pneus intermediários. Logo na largada Alonso partiu pra cima de todos para buscar a ponta e na terceira curva já estava na cola de Vettel, mas tão na cola que toco com o bico e danificou a sua asa dianteira que ficou arrastando pela pista.

Há de se admirar a perícia do espanhol que mesmo assim não perdeu nenhuma posição e segurou o carro bravamente  e  como é uma corrida longa o ideal era entrar nos boxes trocar o bico e reavaliar a estratégia, certo? Errado!!! A Ferrari preocupada com os pneus de chiclete pediu para o piloto continuar na pista até a janela de pit-stops originais, só se esqueceram que a pista tem 2 retas longas onde a pressão aerodinamica na asa é imensa, e se ela aguentou a reta oposta, na reta principal não deu outra… Passou reto deslizando sobre a asa que quebrou e entrou por baixo do carro, deu sorte de não ter acontecido nada mais sério.

Massa largou mal e começou mal a corrida estando na sexta posição já no final da primeira volta e por lá ficou a corrida toda conseguindo recuperar apenas 1 posição e fechando a corrida em quinto. Pouco, muito pouco para quem largou em segundo e que demonstrou que não faz mágica com o carro mediano, diferente do espanhol.

Um fato curioso e muito engraçado ocorreu logo na primeira janela de paradas. Hamilton sofreu um ato falho e apontou para o box da McLaren! Que foi esperta fazendo sinais para ele seguir adiante. Momento que estará facilmente entre os melhores da temporada.

Tirando estes pontos acima a corrida foi bem mediana até depois da primeira parada o Webber deu o pulo do gato e passou o Vettel nos boxes, atrasando a parada ao inves de adiantar como Alonso fez na semana passada (Os alemães xingaram muito no twitter este claro favorecimento ao australiano, só que não). Ai na segunda rodade de trocas de pneus, Webber (safado) mudou a tática e antecipou a parada, mesmo estando com os pneus duros, e o resultado foi que ele se manteve na frente do Vettel novamente e aí algo aconteceu….

O garoto de jeito simples, sorriso facil

 Pateta 1 

mostrou uma faceta até então desconhecida.

Pateta 2

E começou a dar chiliques, no melhor estilo Alonso, dizendo que o Webber era mais lento e que deviam tira-lo da frente….. Coisa feia, se o companheiro está mais lento, vai lá e passa CATZO!

Na terceira parada Webber continuou em primeiro e Vettel perdeu o segundo lugar para Hamilton, mas por pouco tempo e ao passar o inglês ele se deparou com o canguru a sua frente novamente, isso restando 15 voltas para o final, e com isso a Red Bull acionou o rádio e deu os parabens aos envolvidos, mais uma dobradinha garantida, tragam as crianças para casa e prncipalmente BAIXEM A ROTAÇÃO DO MOTOR.  A ordem está no vídeo abaixo:


Sebastian Vettel vs Mark Webber 2013 Malaysian… por Mattzel89

E aí Vettel perdeu um pouco da sua credibilidade e criou uma crise dentro da Red Bull de proporções homéricas. Ele ignorou a ordem e não baixou o giro do motor, estando desta maneira em clara vantagem contra seu companheiro de equipe e na volta 46 passou, mas passou de uma maneira que acho que Horner teve que trocar a cueca depois que viu que ninguém bateu.

Vettel foi um sacana de marca maior… Fez o mesmo que Senna em 1989 quando também deu uma de filho-da-puta e sacaneou Prost, passando quando tinham combinado que não passariam e vencendo a corrida. A inimizade começou alí.

É legal querer vencer? É, mas não a qualquer custo e usando de artifícios baixos. Vettel hoje teve um dia de Senna, mas o Senna em seus piores dias.

Somado isso ao fato de que na briga de 3 e 4 lugares estavam Hamilton e Rosberg disputando, até que veio a ordem para que Hamilton ficasse na frente. Mas aí é diferente e se explica com 2 palavras: Ross Brawn.

No fim das contas todas estas discussoes no rádio e sacanegens geraram o pódio com o maior climão dos últimos tempos. Ninguém estava feliz com o prêmio recebido.