Arquivo da tag: Caterham

Ronco de um motor de F1

Este é um barulho típico e caracteristico de um RS27, o motor da Renault que que equipa carros das equipes Red Bull, Caterham e Williams sendo testado em bancada.

Aproveitem, pois ano que vem muda tudo e os V8 2.4l aspirados irão virar V6 1,6L turbinados.

1 Foster, please

E a F1 começou quase para valer ontem no circuito do Parque Alberto, uma chuva apareceu (Quero ver agora os pilotos reclamarem dos dias com chuva em Barcelona) e tornou o Q2 e Q3 inviáveis no circuito e como já estava escurecendo abortaram a sessão. Com isso a definição do grid ficou para hoje às 21hs horário de Brasilia e da novela (Ou seja, classificação no Sportv).

Apesar disso, já deu para tirar algumas idéias e opiniões, e vocês podem me cobrar, mas só se eu tiver acertado.

  1. Vettel vai ser tetracampeão e com o pé nas costas como em 2011;
  2. Com base no item 1 a Ferrari e a McLaren vão começar a pensar no carro de 2014 cedo e com isso a Mercedes (Hamilton) e Lotus (Kimi) vão brigar pelo vice.
  3. Massa não irá tão mal como nos 2 últimos anos e com isso teremos varios shows do Chiliquento de las Asturias.
  4. A McLaren caiu sem Hamilton e como Button é um lorde, o carro foi feito a sua imagem e semelhança, portanto não corre, não amasa o macacão, não gasta pneus, respeita os limites de velocidade, serve chá e por ai vai….
  5. A Ferrari estava certa, pois o Pérez é menos do que se espera dele e a McLaren vai sofrer com isso.
  6. Bianchi é muito bom, mesmo com a Marussia coloca um temporal nos outros 3 pilotos nanicos.
  7. Marussia que foi só largar o CFD criou um carro melhor que o da Caterham, e como não tem mais a Hispania e os pilotos são ruins, vai ficar no fundão.

Kuuaalááá – 1

E lá vamos nó para o segundo Grande Prêmio da temporada de 2012 na Malásia.

Os treinos de hoje, ao contrário do esperado, não teve chuva e sim um tempo bom, deixando a classificação um pouco previsível, sendo que a diversão foi acompanhar o desespero da Ferrari que por pouco não ficou no Q1.

No fim do grid tivemos a grata surpresa (quanto mais carros na pista melhor) de que as HRT conseguiram ficar dentro do índice de 107% e vão largar ao lado das velhas companheiras Marussia e Caterham, acompanhados da Toro Rosso de Vergne.

No Q2 todos estavam de olho como Massa iria se sair com o chassi novo da Iveco-Ferrari e ele não passou para o Q1, ficando em 12 lugar a 0,4 do tempo de Alonso (segundo Galvão, normal).

A decepção ficou por conta das Williams que também ficaram pelo Q2, com Senna em 13 e Maldonado, mesmo errando e destruindo o defletor do carro ficando em 11. Outra equipe que parecia que estava em curva ascendente com relação a 2011, mas que não foi bem é a Force Índia.

Já no Q3 Schumacher fez valer o duto frontal nas grandes retas e abocanhou o terceiro lugar (desde 2066 ele não participava da coletiva pós treino), e Rosberg deve ter cometido algum erro, pois ficou apenas com o 8 lugar, a frente apenas de Alonso (fazendo milagre) e Perez (que meteu uma luneta respeitável no Mito.

De resto, a  McLaren está sobrando tanto que o Hamilton nem precisou se esforçar muito para ter a Pole. Vai ter trabalho na corrida, pois ao lado está Button com o mesmo carro, mas com um trato mais apurado com os pneus, o que na Malásia é primordial.

A importância para o controle dos pneus é tanta que o Vettel preferiu sacrificar sua posição (larga em 6 devido a punição do Raikonen) de largada para economizar um jogo de médios e ficar com pneus mais rápidos no final da prova para tentar o pulo do gato.

Raikkonen (troca do Câmbio) e Kovalainen (por passar o safety car na última corrida) perderam 5 posições de largada.

Vale lembrar que a corrida irá contar com apenas uma zona de detecção e ativação do DRS, o que chega a ser um desperdício das retas enormes do circuito (e um problema para a Mercedes). A avaliação de distância será antes da curva 15, última curva antes da reta de meta e aí os pilotos terão 800 metros de uma longuíssima reta ao seu dispor para utilizar o DRS até a entrada da curva 1.

CAPTUR~2

Australopitacos

E finalmente a Fórmula 1 começou, e bem, a temporada de 2012, com mudanças significativas no Status Quo.

Button - Australia 2012

Com as mudanças no regulamento as equipes tiveram que ajustar seus carros de 2011 à falta do difusor aquecido e à altura máxima dos bicos. Com isso, a Red Bull que tinha nestes 2 itens o pilares fundamentais de seu carro ano passado, teve que se reinventar. Já a McLaren….

Os ingleses já vinham com um projeto não tão dependente do vortex criado pelo bico alto e portanto não precisaram se preocupar muito com esta área, visto ser a única equipe de ponta a não ter o degrau (A Marussia não conta). O que eles fizeram foi melhorar o carro e atacar o principal ponto de 2011, as voltas rápidas de classificação, para evitar que Vettel largue na frente e suma.

Isto posto, vamos aos australopitacos (OK, foi infame):

  • Button é ph0d4!!! Ganhou 3 das 4 últimas corridas na Austrália. A vitória de ontem começou a ser definida na largada, quando ganhou a posição de Lewis Hamilton. A fórmula – Carro equilibrado + Condução constante + cuidado com os pneus = Osso duro de roer, funcionou perfeitamente.
  • Já Hamilton, apesar da Pole e do foguete nas mãos, chegou em terceiro (quase perdendo a posição no pódio) e na pesagem era notória a sua “alegria”… O garoto é rápido, bom piloto… mas a cabeça é fraca, e Button sabe disso! Hoje foi apenas o primeiro golpe, mas Jenson vai acabar com o psicológico de Lewis e sem apelar para a baixaria antes do GP da Espanha, transformando-o em um Webber.
  • Apesar da RGT ter lançado no ar na classificação que o Vettel é Bicampeão pois tinha um carro do outro planeta, a corrida fez o favor de não deixar dúvidas… O garoto é bom, e vai ser divertido assistindo-o tendo que buscar as posições ao invés de largar na pole e ficar passeando. Largou atrás e com inteligência e categoria (A Red Bull não é o autorama de 2011) chegou em segundo, segurando o Hamilton. O carro pode não ser o mais rápido, mas não está longe e Vettel com certeza faz a diferença.
  • Se o Vettel tem um carro promissor onde com seu talento pode dar trabalho para as McLaren, Alonso deveria receber um aumento por fazer o que fez na corrida com o Iveco, digo Ferrari, que tem nas mãos… Largou na 12ª posição e chegou em quinto! Suportou com maestria a pressão de Maldonado no final da prova e conseguiu efetuar boas ultrapassagens.
  • Menção honrosa para o Maldonado, apesar das piadas, a Willians nestes 2 anos só viu a cor do Q3 na classificação por causa dele. Na corrida, estava possuído e deu trabalho para todos em seu caminho (que diga o Grosjean) e se não fosse o erro na última volta quando estava dando um suadouro no Alonso, terminaria como herói, se bem que pelo conjunto da obra, ele deveria ser saudado na sede da Willians, pois poderia aceitar o 6 lugar e comboiar o Alonso, mas preferiu arriscar e é de pilotos assim que a F1 precisa.
  • Uma equipe que chamou a atenção foi a Sauber que colocou Koba-Mito e Perez-Ligeirinho nos pontos, sendo que o Mexicano largou em último e chegou a ficar em segundo antes do primeiro pit-stop (A Iveco, digo Ferrari, deve ter ficado impressionada). O carro é bom e vai dar trabalho para a Lotus, Mercedes e porque não a Iveco-Ferrari.
  • De resto, tivemos as Mercedes fazendo uma corrida pífia, como eu imaginava, pois o uso do duto frontal na classificação é relevante, mas na corrida sua aplicação fica limitada. Se eu fosse a Red Bull e a Lotus nem reclamava com a FIA depois de hoje.
  • Massa e Bruno, como não tinham chance nenhuma de pontuar disputando o belo 14 posto (Massa comia pneus a cada 10 voltas e Bruno foi atingido pelo Ricciardo na primeira curva), resolveram protagonizar uma peça para o Santander que patrocina ambos e saíram da pista “Juntos”. Levando em consideração que a outra Iveco-Ferrari e a outra Williams estavam brigando pelo 5 lugar, ambos precisam pensar muito o que vão fazer no próximo domingo na Malásia, principalmente Massa, pois se continuar assim a Ferrari coloca outro no seu lugar ante do fim do campeonato.

Semana que vem já temos p GP da Malásia, e em um autódromo propriamente dito vai ficar mais fácil identificar como ser a F1, pelo menos até a Espanha.

F1-2012–Os carros

A temporada de F1 de 2012 está prestes a começar em 18 de março, com o GP da Austrália, e após 2 treinos (em Jerez e em Barcelona) já podemos visualizar como serão os carros deste ano, apesar de faltarem ainda os lançamentos da Marussia e da HRT, mas estas se não lançarem ninguém vai sentir falta.

CaterhamCaterham CT01

Lotus   Lotus E20

SauberSauber C31

Toro RossoToro Rosso STR7

WilliamsWilliams FW34

Force ÍndiaForce India - VJM05

Ferrari   Ferrari F2012

McLarenMcLaren MP4-27

MercedesMercedes - W03

Red BullRed-Bull RB8

O que se pode notar é que tirando a McLaren (e talvez a Marussia – Parceira técnica da McLaren e a HRT – Falta de grana mesmo), todos apostaram no bico de ornitorrinco para solucionar a questão do regulamento que determina a altura máxima do bico em 55cm do solo.

Pontos que me chamaram a atenção:

  • O bico da Ferrari é muito curto ao contrário da Sauber que tem o bico longo e chato
  • Ao contrário das outras soluções de Ornitorrinco o da RedBull não fica fino após o degrau e possui um cunha bem no final do bico.
  • A tampo do motor da Sauber é a mais cheia de ondas, diferente da Wililiams que tem uma bem curta, terminando logo após o logo da PDVSA
  • A Ferrari parece feita de Lego… (alias procurem o desenho do Lego Ferrari, até bico ornitorrinco tem…)