Namaste – 3

E como era esperado, apesar do potencial da pista, das 2 áreas para o DRS, a sujeira venceu e se alguém tinha dúvidas sobre a origem da expressão “Fila Indiana”, basta assistir à corrida de hoje para entender.

Teve até as brigas que geralmente acontecem em filas demoradas, sempre com alguém tentando furar o lugar, protagonizada pela dupla dinâmica de segundos pilotos Massa e Hamilton. Desta vez, Hamilton não teve culpa, pois Massa errou na freada (novidade?) deixando Hamilton em posição de ataque… Quando o inglês colocou o carro do lado de dentro, Massa fez a tangência como se ninguém estivesse ao seu lado… Depois da corrida alegou que não viu Hamilton, oras isso só depões contra, pois se estava em disputa por posição, o mínimo que se espera é que use os retrovisores poxa.

Massa ainda depois do enrosco conseguiu achar o segundo buraco dos 2 que tem na pista indiana, segundo a transmissão da RGT, que é incapaz de dizer que um piloto brasileiro cometeu um erro… Chega a ser irritante este atestado contra a inteligência da audiência (se bem que se analisarmos as eleições eles não estão atentando contra nada extraordinário.) Como podem perceber, fora esse enrosco não teve mais nada relevante na corrida.

A comentar, o fato que o Webber é ruim demais, a Red-Bull deveria colocar o Alguersuari e o Buemi no carro 2 nestas corridas faltantes para fazer um vestibular, enquanto o canguru teria um choque de realidade na Toro Rosso. E Alonso que tira o que esta Ferrari não tem a oferecer e belisca pódios aqui e acolá.

Vettel ganhou de ponta a ponta, as usual, e Button chegou em segundo fazendo por merecer o vice-campeonato. Tá pilotando melhor do que na época da Brawn quando foi campeão.

Ahhh não posso deixar de comentar que depois de tantos autódromos os Tilke ainda não aprendeu a fazer uma saída de box decente.