Em boca fechada….

Não entra mosquito como diria a minha avó. Pena que o Barrichello nunca teve ninguém para lhe dar este conselho na vida.

Rubinho no SporTV

Todos que acompanham a F1 sabem que Felipe Massa está em maus lençóis na Ferrari e a paciência dos tifosi se esgotou logo na primeira corrida do ano na Austrália quando o piloto foi muito mal, fazendo inclusive com que a Ferrari entregasse um chassi novinho em folha na Malásia. (não que tenha adiantando muito….)

Neste meio tempo a revista Autosprint colocou uma enquete na internet, aberta para o mundo todo (inclusive o Brasil, vale frisar) para saber quem seria o substituto ideal para Felipe Massa na Ferrari, E eis que o vencedor foi o nosso bravo piloto da KV Racing na F-Indy, Rubens Barrichello.

Durante uma entrevista no programa Linha de Chegada do SporTV o repórter perguntou sobre o resultado da votação (sacana, já sabia que daria manchete), e é neste ponto que o grande ensinamento da minha avó fez falta para o piloto. Sendo ele um piloto contratado por uma equipe para correr a temporada inteira da Indy, com patrocínio de empresas Brasileiras, apoio da Bandeirantes e o piloto na frigideira sendo seu “amigo” Massa, ele devia dizer que estava lisonjeado, mas seria complicado ESTE ANO fazer a troca as pressas, bláblá.

Mas não Barrichello, ele conseguiu dar 2 bolas foras em uma única resposta dizendo que voltaria para a Ferrari se fosse convidado. “Não estou dizendo que vai acontecer, mas tudo pode acontecer”.

Ou seja, c… e andou para a situação do Massa e relegou a KV que lhe deu espaço, mídia e principalmente um carro para correr este ano como um mero passatempo.

Em boca fechada não entra mosquito Rubinho, vê se aprende.